Professores da rede pública estadual de SP fazem carreata na Zona Sul contra retorno às aulas presenciais

Na manhã desta quarta-feira (29/7) uma carreata na Zona Sul de São Paulo foi feita por professores da rede estadual de educação. Eles protestavam contra  a volta às aulas, que está prevista para o dia 8 de setembro.

Os professores aproveitaram a carreata para protestar também contra a falta do pagamento dos salários atrasados, pedindo o auxílio emergencial para professores temporários da rede pública de ensino, que recebem remuneração apenas pelas aulas que efetivamente são dadas por esses profissionais que, por conta da quarentena não estão em atividade.

O foco principal dos protestos dos professores, foi contra o início das aulas presenciais que, o governo de SP já determinou o retorno dos alunos para aulas presenciais.

Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), organizou a carreata convocando a participação de todos os professores do estado de SP.

Os professores se reuniram na capital paulista, em frente ao Estádio do Morumbi, na Zona Sul, depois seguiram para a sede do governo, no Palácio dos Bandeirantes, mas foram impedidos pela formação de um bloqueio policial.

A Secretaria Estadual da Educação, se pronunciou por meio de nota, referindo-se a carreata: “é norteada por princípios políticos obscuros em meio a mortos por uma pandemia”.

“O buzinaço gerado fere o bom senso diante do barulho nas imediações de um hospital onde médicos e enfermeiros lutam para salvar vidas de doentes. Os mais de 180 mil docentes da categoria estão recebendo regularmente os seus salários durante a pandemia”.

O governo declarou em nota, que a volta às aulas deverá ser “pautado em medidas de contenção da epidemia, atendendo aos interesses da população e sem colocar nenhuma vida em risco”.

“Essa decisão foi adotada após diálogo com representantes de professores, funcionários, alunos, pais e administradores de escolas privadas, seguindo as recomendações sanitárias do Centro de Contingência do coronavírus.”

“Posso assegurar que a posição emanada aqui nesta manhã não é majoritária no professorado, é parcial. O diálogo sempre existiu. Nunca foi limitado o acesso ao secretário Rossieli Soares. Em relação aos temporários, é uma circunstância. Da mesma maneira que veículos de imprensa tiveram que reduzir profissionais temporários, também não faz sentido que o dinheiro público seja usado para pagar quem não está trabalhando, porque as circunstâncias de uma pandemia não permite. O diálogo com o setor continua aberto”, afirmou o governador Doria.

“A Apeoesp tem um viés político não é de hoje. Respeitamos, mas é um viés político e extremado. A deputada estadual que comanda a associação tem um viés político que pratica sempre que possível”, declarou.

Créditos: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2020/07/29/professores-da-rede-publica-estadual-de-sp-fazem-carreata-na-zona-sul-contra-retorno-as-aulas-presenciais.ghtml

Comente abaixo
- Anúncio -
Silvia Cardoso Souza
Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Related Posts

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Conecte-se

3,283,592FansLike
7,746FollowersFollow

Histórias Recentes

Rafaella Justus posa com as duas irmãs bebês: “que lindas”

Rafaella Justus, 11 anos, ganhou mais duas irmãs e está vivendo uma fase linda, a de ter duas bebês caçulas na família....

Giselle Itié posa com seu bebê de 4 meses: “que perfeição”

O bebê de 4 meses Giselle Itié mostrou uma foto fofíssima do seu bebê Pedro Luna, que recebeu vários elogios, ela também...

Junior Lima mostra o filho de dois anos: “como é lindo”

O cantor e músico Junior Lima, publicou uma foto do filho Otto nas redes sociais, não faltaram elogios e frases muito carinhosas.

Coronavírus: Vacina da Johnson & Johnson tem eficácia confirmada em animais

Uma nova esperança sobre a vacina para combater o novo coronavírus foi anunciada, e dessa vez, a Johnson & Johnson é que...

Foto mostra o exato momento em que menino preso em buraco cheio de água agarra a mão do avô

O desespero de um avô ao ver o neto preso em um buraco cheio de água, foi fotografado e viralizou.